Tenis na veia!

Hoje gostaria de falar de um esporte que gosto muito, Tenis!

Comecei a jogar tenis aos 10 anos quando meus pais também começaram a jogar. Era

Eu e Lu num final de semana em Porto Seguro

muito bom! Recomendo a todos pais darem esta oportunidades a seus filhos.

Sempre fiz escolinha, ou seja, nunca me preparei para disputar torneios… massss sou louco por competições! Então comecei a me inscrever nos torneios da federação baiana de tenis. E também os torneios do Clube costa verde, incentivado pelo meu mestre Pedro Silva.

Vou contar agora uma parte triste na minha vida esportiva, uma contusão da fibrocartilagem do complexo ulnar( como se fosse o menisco, só que no punho).

Certa vez, me inscrevi em um torneio do ranking interno do costa verde na classe A, com muita vontade de vencer o torneio… Então se não me engano nas quartas de final enfrentei Benicio. Um jogo bem variado, que me fez correr muito… logo no inicio quando estava 2 games a 0 para Benicio, em um ponto muito disputado, tentei pegar uma bola cruzada e pisei na linha, que estava molhada, e escurreguei… a queda foi feia porém com muita destreza consegui evitar o pior( hehehe). Bati a mão esquerda, que segurava a raquete, no chão causando alguns arranhões e uma grave lesão, que me persegue até hoje. Continuei o jogo ainda sangrando mas não teve jeito… 6×0…

Para entender um pouco mais sobre esta lesão acesse o artigo de Dr. Gilbert Bang

Continuando, este torneio foi no inicio de 2007… fiquei afastado das quadras com dores no punho por cerca de 6 meses. Fiz muitas sessões de fisioterapia, até que achei que poderia voltar a jogar! Então liguei para Pedro Silva para informar que voltaria a treinar com ele.

Pedro Silva me inscreveu no torneio CitiBank Masters Tour, antes mesmo de eu fazer a primeira aula! Neste torneio local, disputado por amadores, a dupla vencedora participaria do torneio final do circuito em Angra do reis no Club Med, tudo de gratís!

Robson e Cai ao vencer a semi-final do CitiBank Maters Tour de Angra

Não deu outra, eu e meu parceiro Caio Silveira conseguimos ganhar o torneio… porém a lesão foi agravada… eu mau conseguia bater palmas… fiquei mais 3 meses sem jogar fazendo fisioterapia… até o dia da etapa de angra…

Chegando no ClubMed, não deu outra… no meio de vários tenistas profissionais não resisti e tentei jogar meu melhor tenis… deu certo… até chegar na final… com a mão enfaixada e quase chorando de dor… fomos vencidos! Mas foi um grande feito…

Em novembro de 2008, fiz uma artroscopia para tentar sanar o problema depois de duas infiltrações sem sucesso… este final de semana resolve jogar com meu velho para ver como estou, pois anteriormente tentei e senti dores…

Hoje, 24hs após ter jogado não estou sentindo dores, apesar de ter jogado com medo, sem botar peso nas bolas… estou feliz e espero que o problema tenha ido embora…

Postarei novamente quando tiver algum resultado positivo!!!

I love tennis, play the game!!!!!

%d blogueiros gostam disto: